quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Pierre Boulez (1925-2016)


 Pierre Boulez (1925-2016)

Morreu ontem um grande artista que dominou com a sua estatura de gigante a segunda metade do século XX. Apenas um homem com a sua dimensão extraordinária de compositor, director de orquestra e intelectual poderia alguma vez ter conseguido transformar a sua 'visão do mundo' na 'visão do mundo' do mundo, isto é, a visão que dominou a vida musical da sua área particular no mundo inteiro. As suas peças Rituel, Répons, entre muitas outras, são obras-primas absolutas. Os seus livros especialmente Jalons (1998) reeditado parcialmente com o título Leçons de Musique, Christian Bourgois Editeur (2005), as suas lições no Collège de France de duas décadas, é uma dos melhores livros já escritos sobre música, (na minha opinão) O facto de não estar traduzido em nenhuma outra língua, que saiba, ao contrário dos seus livros dos anos 1950-60, é um facto de nos deve fazer refletir.
A sua própria homenagem póstuma a Bruno Maderna, Rituel in memoriam Maderna (1975):


0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial